10 de mai de 2009

Vamos ganhar dos MI antes que virem GMI

No último post comentei como é difícil ganhar de um GMI (Grande Mestre Internacional). Porém, algo que sempre me chamou a atenção é o salto de qualidade que um jogador dá ao conquistar um desses títulos (MI ou GMI).

Ontem ele era aquele seu amigo de quem você às vezes perdia e às vezes ganhava. De repente ele conquista o título e pronto: você vira freguês do sujeito.

Que estranho mecanismo faz com que a compreensão do jogo melhore tanto. Parece que o título é um catalizador intelectual. Ou pode ser apenas uma falsa impressão. A proximidade faz com que não percebamos o quanto o(a) individuo(a) trabalhou para conquistar o laurel.

Seja lá como for, é melhor garantir uma vaga na História. E quando alguem no clube comentar sobre aquele (a) GM que já está entre os 20 melhores do mundo, você, como quem não quer nada, diz:

"é, eu já ganhei dele".


Play chess online!

Um comentário:

Maiakowsky disse...

Sensacional blog!
adicionei à lista de links de Maiakowsky!

Grande abraço!