10 de jan de 2010

World Team Championschip - 6th round

Mundial Por Equipes - 6a rodada

Hoje é contra os Estados Unidos. E finalmente deram uma folga para o Giovanni. E passaram a batata quente para o Rafael: pegar de pretas o Nakamura. É uma pena que nào puseram o Fier no 1o tabuleiro. A plateia iria agradecer muito ver os dois loucos jogarem.

E tomara que o Alfeu possa se reconciliar com o jogo do Milos.

Estados Unidos x Brasil

Nakamura (2708) 1 x 0 Leitão (2620)
Onischuck (2670) 1/2 x 1/2 Fier (2601)
Shulman (2624) 1/2 x 1/2 Milos (2618)
Akobian (2628) 1 x 0 Diamant (2497)

O outro match interessante (todos são) é Azerbaijão x Israel.

Como sempre as partidas podem ser acompanhadas no site oficial, e quando terminar vamos ver o que o Kidisconzi Morengueira vai preparar pra gente. E a gente vai dando uns pitacos aqui e ali, sempre sem a inestimável ajuda dos programas que é pra falar bobagem ao vivo mesmo.

E, deem uma olhada no blog do Giovanni em que ele comenta o match de ontem.

Nakamura x Rafael após 20...g4. Par de Bispos contra par de cavalos. Porém os cavalos tem casas muito boas no centro (e6, d5, f3). O jogo agora deve se transferir para a ala da Dama assim que o Naka resolver o problema do peão h2, talvez com h4.


Voltei do almoço e o Brasil já tinha perdido o match. Rafael perdeu para o Nakamura, Fier empatou, Milos empatou e Diamant perdeu. Os EUA vieram com sua equipe mais forte exceto pelo Kamsky. O resultado não é anormal.

A Grécia surpreende e vence a Armenia por 3x1

É claro que a gente tem espectativas muito altas. Mas os resultados iniciais sào muito importantes para gerar(ou tirar) motivação. Da equipe e da torcida. Como o que vale são pontos por equipe 1,5 pontos contra a Russia não passa de derrota. Fosse por pontos individuais a perspectiva seria diferente.

Bom, bola pra frente e vamos continuar jogando o nosso melhor nessas circunstâncias.

7 comentários:

Alfeu disse...

Bem, uma vitória em 24 partidas, acho que preciso fazer as pazes com o jogo de mais gente, tá sendo difícil a torcida hehe

Edson disse...

Não é consolo, não é nada, mas o Brasil teve time para estar neste torneio e independente da sequência de derrotas, os nossos jogadores são fortes a nível dos que lá estão.
Xadrez é complexo mesmo e tem muito de psicologia nas 64 casas e nas 32 peças.
Os jogadares brasileiros vem evoluindo muito e a equipe desta competição esteve bem representada. Pena que não tínhamos este time nas últimas olimpiadas.

Parabéns a toda equipe brasileira !

Silvio Cunha Pereira disse...

O Edson esqueceu de citar as duas cadeiras em frente ao tabuleiro. Puxa , 24 partidas e uma vitória é um recorde ou um pesadelo?

Alfeu disse...

Bem, como o Edson disse os nossos jogadores são fortes no nível de vários que estão lá e pra mim é isso que faz 1 vitória em 24 partidas ser um pesadelo, porque eles tem capacidade para muito mais!

Edson disse...

hehehe !!
Certamente é um pesadelo e os caras tem ciência disso. Mas entre nós, lá só tem fera.
Ah, e frio também.

Abraço e boa semana a todos. A propósito, obrigado Silvio por disponibilizar o seu blog para que possamos estar aqui torcendo juntos. E rumo a próxima rodada.

Silvio Cunha Pereira disse...

É m prazer ter visitas aqui.

guto disse...

xadrez no brasil??? são muito talentosos mas sem apoio não dá. a diferença de estrutura é muito grande. parabéns a todos eles pela persistência e coragem.